As Aparições de Medjugorje são verdadeiras? - Artigo publicado em Jornal cientifico

São as aparições de Medjugorje real? artigo no Journal of Scientific Exploration

James Paul Pandarakalam, Departamento de Psiquiatria Soho House, 362 Soho Road, Handsworth, Birmingham B21 9QL, Reino Unido, 6 pista Fountain, Barming, Maidstone, Kent ME16 9AR, UK

Este artigo apresenta a história de seis jovens adultos saudáveis, experienciando uma aparição diariamente durante um período prolongado. Os testes médicos sugerem que há experiência visionária objetivas e subjetivas ou não-objetiva. desconexão parcial e variável do mundo exterior no momento da experiência da aparição e sensações fluem de uma forma normal para o cérebro dos videntes de Medjugorje, mas os resultados dos testes de potencial evocado auditivo e testes de triagem mostram que o córtex cerebral não percebe a transmissão do estímulo auditivo e visual neuronal recebidos do ambiente imediato. Gravações eletroóculográficas confirmam que seus olhos convergem no mesmo ponto. Existem tanto parâmetros fisiológicos. normais e alterados Há um conjunto de sincronismos sugerindo objetividade. Complementares observações psicológicas e parapsicológicas são apresentados. Não há nenhuma evidência para sugerir a probabilidade de auto-hipnose. A percepção coletiva, forte motivação por parte da aparição, características quase físicas (quasiphysical) da aparição, a integração dos apprearer (?) ao ambiente natural, a lealdade ea obediência máxima do percipientes ao agente, e a controlada manifestação "psicocinética-como" apontam na direção de uma verdadeira aparição em Medjugorje. O fenômeno de voz observada no momento da experiência da aparição de Medjugorje é relatado em outros locais de aparição mariana, e não em nenhum outro fenômeno religioso ou paranormal.

Palavras-chave: experiência aparição, fenômeno de voz, modos de percepção dupla, poder-como psicocinética superiores

Artigo completo original: http://www.scientificexploration.org/journal/jse_15_2_pandarakalam.pdf

 

"O Pai Celestial deseja libertar cada um de vocês da escravidão do pecado."

 
 
Texto original inglês: Are the Apparitions of Medjugorje Real? article in Journal of Scientific Exploration
 
James Paul Pandarakalam, Department of Psychiatry Soho House, 362 Soho Road, Handsworth, Birmingham B21 9QL, UK; 6 Fountain Lane, Barming, Maidstone, Kent ME16 9AR, UK
 
This article presents the history of six young healthy adults experiencing an apparition on a daily basis over a prolonged period. The medical tests suggest that there is objective and subjective or nonobjective visionary experience. There is partial and variable disconnection from the outside world at the time of apparitional experience, and sensations travel in a normal manner to the brain of the Medjugorje seers, but the findings of evoked auditory potential tests and screening tests show that the cerebral cortex does not perceive the transmission of the auditory and visual neuronal stimuli received from the immediate environment. Electro-oculographic recording confirms that their eyes are converging at the same point. There are both normal and altered physiological parameters. There is a cluster of synchronisms suggesting objectivity. Complementary psychological and parapsychological observations are presented. There is no evidence to suggest the probability of autohypnosis. The collective percipience, stronger motivation on the part of the apparition, quasiphysical features of the apparition, integration of the apprearer to the natural environment, utmost loyalty and obedience of the percipients to the agent, and controlled "psychokinetic-like" manifestations point toward a true apparition at Medjugorje. The voice phenomenon observed at the time of the Medjugorje apparitional experience is reported in other sites of Marian apparition and not in any other religious or paranormal phenomenon.
 
Keywords: apparitional experience, voice phenomenon, dual modes of perception, superior psychokinetic-like power