Terceiro Dia - Sexta-feira - 26 de junho de 1981

A notícia das aparições já tinha se espalhado e ido além de Bijakovici, e milhares de pessoas se reuniram na colina. As pessoas vinham de diversas aldeias da região- Miletina, Citluk, Ljubuski, e mesmo de distâncias maiores. Vicka relatou assim: “No terceiro dia, nós subimos o Podbro outra vez. E minha avó disse-me para levar água benta comigo e ela me orientou para que quando Nossa Senhora aparecesse que eu deveria jogar água benta nela e fazer o sinal da cruz. Quando Nossa Senhora chegou eu joguei água benta nela e disse: " Se é Nossa Senhora permanece conosco e se você não é, vá embora. ’ Nossa Senhora simplesmente sorriu.

E podia se ver as gotas de água benta desaparecendo no ar. E para nós isto era um sinal seguro de que realmente era Nossa Senhora que ali estava.. Jakov, numa entrevista com Fr. Jozo no dia 28 de junho de 1981, disse: Nós perguntamos ‘Querida Nossa Senhora, por que você veio a nós?’ E ela respondeu: "Eu vim porque aqui há muitas pessoas que crêem em Deus de verdade e eu vim para a conversão de vocês e do mundo inteiro!” Mas porque a nós, nós não somos melhores do que ninguém?; “ Não necessariamente eu escolho os melhores”.
 
Neste dia Ivanka perguntou se ela tinha alguma mensagem de sua mãe e Nossa Senhora respondeu: “Sua mãe disse para você obedecer e ajudar à sua avó pois ela já está bastante idosa.” Mirjana perguntou pelo seu avô também recentemente falecido: “Ele está bem”, E perguntamos: “A senhora vai voltar amanhã?” Ela respondeu: "Sim, no mesmo lugar como ontem”.
 
Então ela nos disse para que todos permanecessem em paz e se reconciliassem” Esta aparição durou 30 minutos. Depois, os jovens e as pessoas começaram a deixar a encosta. Marija se dirigiu à aldeia com algumas mulheres e repentinamente Nossa Senhora reapareceu a ela; Marija caiu de joelhos. Mais tarde, Marija disse que ela tinha visto uma cruz nua, formado de todas as cores do arco-íris mas sem corpo, e na frente da cruz estava Nossa Senhora chorando e pedindo: “Paz., paz, somente paz”, Reconciliem-se.
 
A paz deve acontecer entre Deus e os homens e entre os homens.” Suas palavras finais foram: “Vão na paz de Deus.”
 
"Abram seus corações e tornem-se doadores da paz, e os outros, em vocês e por meio de vocês, descobrirão a paz e, assim, vocês testemunharão a paz e o amor que Deus lhes concede."