Membros da comissão do Vaticano para estudos sobre o fenômeno de Medjugorje



 

( 25/02/1993)

 
(11/04/2010) Fontes croata informam o nome de 17 membros nomeados que fazem parte do grupo da Comissão Internacional para o Vaticano para estudar o fenômeno de Medjugorje. 
 
A Comissão inclui cinco cardeais: Jozef Tomko, Julian Herranz, Vinko Puljic, Josip Bozanic e o Cardeal Camillo Ruini como presidente. 
 
O Secretário da Comissão é Achim Schulz, assistido por Krystof Nykiel. 
 
Outros nomes são David Maria Jaeger, Salvatore Perrelli, Pierangelo Sequeri, Josef Kijas Tony Anatrella, Franjo Topic, Nela Veronica Gaspar, Mijo Szentmartoni Nikica e Mihaly. 
 
• Cardeal Jozef Tomko - Eslováquia. Presidente emérito do Pontifício Comitê para os Congressos Eucarísticos Internacionais. Ex-Prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos. 
 
Cardeal Julian Herranz • - Espanha. Presidente emérito do Pontifício Conselho para os Textos Legislativos. 
 
• Cardeal Josip Bozanic - Croácia. Arcebispo de Zagreb. 
 
• Cardeal Vinko Puljic - Bósnia-Herzegovina. Arcebispo de Vrhbosna (Sarajevo). 
 
• Arcebispo Angelo Amato - Itália. Prefeito da Congregação para as Causas dos Santos.
 
• Pe. Jaeger Maria-David - Israel. Um padre franciscano e especialista em direito canónico que é um convertido ao cristianismo.
 
• Pe. Salvatore Perrella - Itália. Um sacerdote mariologista e professor da Pontifícia Faculdade de Teologia Mariana. 
• Padre Pierangelo Sequeri - Itália. Um dos mais proeminentes teólogos da atualidade que no ano passado foi nomeado por Bento XVI para ser um membro da Comissão Teológica Internacional.
 
• Pe. Zdzislaw Kijas Josef - Polónia. Outro franciscano e secretário da Pontifícia Academia da Imaculada, em Roma. 
 
• Monsenhor Tony Anatrella - França. Psicólogo e mariólogo e conselheiro do Conselho Pontifício para a Família e do Pontifício Conselho para a saúde. 
 
• Dom Franjo Topic - Bispo - Croácia. Presidente da Sociedade Cultural croata "Progresso" em Sarajevo. 
 
• Pe. Mijo Nikica - Superior dos Jesuítas de Zagreb e professor de psicologia religiosa 
• Pe. Mihaly Szentmartoni . Sérvia o o utro jesuíta e diretor do Instituto de Espiritualidade na Universidade Gregoriana em Roma. Como professor de psiquiatria clínica, era um membro da comissão médica do Comitê nomeado pela Conferência Episcopal da ex-IugoslavIa . A comissão médica de seis membros concluiu seus estudos em 1988 e, de acordo com os critérios estabelecidos pela Congragação para a Doutrina da Fé em 1978, os seis videntes foram considerados mentalmente equilibrados, sem mostrar qualquer inclinação para distúrbios psicológicos ou histeria ou de outros atos deste tipo. 
 
• O Sr. Nela Veronica Gaspar - Bósnia-Herzegovina. Teólogo
 
• Achim Schütz - Alemanha. Especialista em fenômenos religiosos.
 
• Monsenhor Krzysztof Nykiel - Polonia - foi membro do Pontifício Conselho para a Saúde .
 
 
 
"Queridos filhos, Eu desejo que cada um de vocês se decida a mudar a própria vida e que cada um trabalhe mais na Igreja, não com palavras ou com a simples vontade, mas com o exemplo."